About Me

A minha fotografia
Nelson
Sou um apaixonado por estes seres, costumo ate dizer,que são os meus bebes...Mas a paixão comecou por causa do meu pai,quando eu era mais novo levou-me a uma exposicão de pássaros e foi ai que conheci os Glosters de tantos pássaros que estavam lá eu só tive olhos para eles...O meu Pai nessa altura comprou uns passarinhos outros um amigo nosso que se chama Celso nos ofereceu e foi assim que comecei a criar...Em 2001 desisti por motivos pessoais mas a paixão e tanta que depois de 9 anos sem criar tive de voltar...e aqui estou eu comecei o ano passado e estou super contente,com os meus bebes...Espero que gostem do blog...
Ver o meu perfil completo
Com tecnologia do Blogger.
segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

PostHeaderIcon Muda

Muda

A MUDA NOS PÁSSAROS ADULTOS

Embora sejam muito resistentes, as penas, com o tempo, começam a perder o brilho e desgastam-se sendo necessário serem trocadas. Trata-se de um processo normal na vida das aves, relacionado a factores biológicos ligados aos hormónios produzidos pela tireóide.

A muda ocorre todos os anos e inicia-se após a época de cria. Se o pássaro foi bem alimentado irá mudar suas penas facilmente e esta não passará de 6 a 8 semanas. Nesta época a ave pode perder boa parte das penas ao mesmo tempo, mantendo, entretanto, uma razoável quantidade para proteger o corpo e voar.

Se a temperatura estiver elevada, a muda poderá antecipar-se, por outro lado, terminará mais cedo. Em climas moderado e fresco, é normal atrasar.

Nos adultos a troca de penas do rabo, das asas, e demais penas, inicia-se do centro para as extremidades. A muda das penas das asas ocorre simultaneamente e aos pares, no corpo ocorre por inteiro, terminando na cabeça.

As penas caem naturalmente e devagar sendo que quase nem se percebe que o pássaro está na muda; se o pássaro voar com dificuldades ou começar a aparecer a pele, pode haver má alimentação ou outras causas como stress e não devido à própria muda.

Banhos de sol pela manhã (8 às 9 horas) ajudam bastante na muda, sempre com muita atenção ao facto do sobreaquecimento das aves. Mantenha a higiene das gaiolas, evite que o pássaro esteja exposto a correntes de ar e forneça banheiras com água limpa para banhos.

A MUDA NOS FILHOTES

Os filhotes nascem pelados com uma finíssima plumagem, e aos poucos vão aparecendo as penas e quando saem do ninho já estão empenados por inteiro. Os filhotes também mudam de pena em torno do terceiro ao quarto mês de vida, o que chamamos de muda de ninho. Mudam somente as penas do peito e da cabeça, pois as penas das asas e do rabo só mudarão no próximo ano.

MUDAS PRECOCES

As mudas precoces são consideradas aquelas em que as penas são trocadas fora de sua época normal.

Bruscas mudanças de ambiente, temperaturas muito elevadas, sustos anormais, luzes que acordam as aves durante o seu sono, entre outros factores, são causadores de uma muda precoce.

Um pássaro que entra em muda precoce é um pássaro triste que não cantará. Teremos que aguardar, com paciência, o término do processo. Isto poderá atrasar ou até mesmo eliminar a capacidade da ave para a reprodução.

Devemos tratá-lo muito bem, administrando algumas vitaminas e evitando ao máximo incomodá-lo.

0 comentários:

Enviar um comentário

Blog Archive

Contador


Mensagens populares

Seguidores

Mensagens populares